Search
A hora do dinheiro logo

Sumário

Tamanho da fonte-+=
Tamanho da fonte-+=

Dia dos namorados: é possível aproveitar a data sem gastar muito?

Sumário

3 min para ler
Tamanho da fonte-+=
Getting your Trinity Audio player ready...
Dreamstime - Evgenyatamanenko

Resumo – Como alinhar expectativas para que os casais aproveitem a data dentro do orçamento estipulado?

 

Diferentemente de outros lugares, como Estados Unidos e países europeus, em que o ‘Valentine ‘s Day’ acontece em 14 de fevereiro, o Dia dos Namorados é celebrado no dia 12 de junho por aqui.

Apesar de não ser um feriado nacional ou ponto facultativo, a data é bastante popular entre casais de todas as idades e costuma movimentar o comércio do país.

 

Dia de fazer algo diferente com a pessoa amada

 

Os casais de namorados (e até mesmo de pessoas casadas, que se consideram ‘eternas namoradas’), costumam ficar animados com a data, vendo um oportunidade de presentearem seus pares e vivenciarem momentos românticos nesse dia em especial, fazendo uma programação diferente e saindo da rotina.

A empolgação é comum, mas é necessário ter cautela. Geralmente, além de comprar um presente para a pessoa amada, muitos casais costumam sair para jantar ou fazer algo juntos ao longo do dia. Inclusive, alguns se programam para uma curta viagem, caso seja viável diante dos compromissos de ambos.

No entanto, é importante ter cuidado com a quantidade de gastos para uma única data, que pode sair do controle.

 

Recomendações aos casais

 

O ideal é que o casal converse sobre como estão as contas e se há espaço na carteira para essa comemoração (escolhendo o que gostariam de fazer) e, a partir disso, criem um planejamento bem estruturado em conjunto, para que possam alinhar expectativas e assim não extrapolar o orçamento com altos custos, com o intuito de não adquirir dívidas.

Acompanhe nosso canal no youtube

Para quem tem um orçamento limitado

 

A criatividade vai ajudar, principalmente para quem está com o ‘cinto’ apertado. O essencial é não deixar passar em branco uma oportunidade de mostrar que você se preocupa com a pessoa amada, mesmo que seja simbolicamente.

Se você sair com sua namorada, levar em uma sorveteria nova e estiver totalmente focado naquela pessoa, como se não existisse mais nada no mundo, um programa barato vai se tornar marcante.

 

O custo de oportunidade

 

Para que isso funcione de verdade, é fundamental que o casal tenha em mente que não dá para fazer tudo de uma vez, principalmente porque gastar e fazer compras por impulso pode gerar consequências futuras desagradáveis para o orçamento.

A intenção não é deixar de comemorar e nem de investir na data, porém, vale ponderar sobre as escolhas que são feitas.

 

Planejamento é a palavra-chave

 

Por exemplo, se o casal quer um jantar romântico e uma viagem, podem escolher um e deixar a segunda opção para outra ocasião importante.

Desta forma, os gastos ficam dentro do planejado e é possível ter outro momento feliz com a pessoa amada. Além disso, programar-se com um pouco mais de antecedência pode ser vantajoso, principalmente em relação a valores e eventuais descontos e promoções”, finaliza João.

Por João Victorino

João Victorino é administrador de empresas e especialista em finanças pessoais. Formado em Administração de Empresas e com MBA pela FIA - USP. Executivo em empresas multinacionais nas áreas de desenvolvimento de negócios, marketing e estratégia. Possui ampla experiência no empreendedorismo e hoje divide esses aprendizados. Para isso, o especialista criou e lidera o canal A hora do dinheiro , com conteúdo gratuito e uma linguagem simples, objetiva e inclusiva.

Você também pode se interessar:

53 Visualizações
0Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *