Search
A hora do dinheiro logo

Sumário

Tamanho da fonte-+=
Tamanho da fonte-+=

Uma conta que impacta a todos nós

Sumário

3 min para ler
Tamanho da fonte-+=
Getting your Trinity Audio player ready...
Dreamstime - Nuvolanevicata

Resumo – O que é uma externalidade? Entenda este conceito vital para tomada de decisões, tanto de empresas, quanto de governos.

 

O que é uma externalidade?

 

Uma externalidade é um custo ou benefício experimentado por um terceiro como resultado de uma transação econômica. 

Em outras palavras, as externalidades podem ser vistas como os efeitos econômicos, sociais e ambientais causados pela venda de um produto ou serviço.

Elas são, portanto, uma consequência indireta da atividade econômica, e recaem sobre quem não possui relação direta com a ação.

 

Classificação das externalidades

 

As externalidades podem ser classificadas com base nos efeitos causados para a sociedade, economia e meio ambiente.

Assim, elas são divididas em:

  • Externalidades positivas: ganhos indiretos obtidos como consequência de uma atividade econômica, causando benefícios para a sociedade, meio ambiente, ou a própria economia.
  • Externalidades negativas: perdas indiretas resultantes de uma atividade econômica, gerando custos para a sociedade, meio ambiente e a própria economia.

Vamos ver alguns exemplos que podem ajudar a ilustrar os conceitos:

 

Externalidades positivas – exemplos práticos

 

1. Um agricultor que planta árvores em suas terras pode trazer um benefício para a comunidade local na forma de melhoria da qualidade do ar e aumento da biodiversidade. 

2. Uma pessoa que recebe educação ganha não somente conhecimento e qualificação profissional, mas também toda a sociedade pode se beneficiar do aumento da produtividade e do engajamento cívico da pessoa educada. Essa é uma externalidade positiva.

3. Uma empresa farmacêutica descobre uma nova droga capaz de curar uma doença que aflige milhões de pessoas. Seu possível impacto no aumento da expectativa de vida da população pode ser considerado uma externalidade positiva.

4. Uma empresa de saneamento básico finalmente oferece seus serviços para populações até então desassistidas. O impacto desta ação pode envolver aumento de produtividade da população local, que possivelmente terá menos doenças relacionadas ao tratamento de água e esgoto e poderá perder menos dias de trabalho.

 

Externalidades negativas – exemplos práticos

 

1. Uma fábrica que emite poluição pode impor um custo aos moradores próximos que precisam respirar o ar poluído.

2. Uma usina movida a carvão pode criar empregos e fornecer eletricidade para a área local, mas também cria externalidades negativas, como a poluição do ar e a liberação de gases de efeito estufa, que contribuem para as mudanças climáticas.

3. Um parque eólico fornece energia limpa, mas também pode criar uma externalidade negativa para as populações de pássaros, pois elas podem ser atingidas pelas pás giratórias. Além disso, habitantes da região podem também sentir os efeitos da poluição sonora resultante do barulho das hélices.

4. Um barco de pesca pode capturar acidentalmente animais ameaçados de extinção, que acabam ficando presos nas redes.

5. Uma empresa de cigarros pode gerar empregos e demanda de tabaco, mas seu produto também pode ser responsável por um forte impacto nos custos de saúde pública em todo o planeta.

 

Conclusões

 

Esperamos que os exemplos acima ilustrados ajudem você a entender que quase toda atividade econômica acarreta em alguma externalidade à sociedade, ao meio ambiente e à própria economia.

Para encerrarmos o texto, gostaríamos de perguntar se você também consegue mencionar alguma outra externalidade que não foi abordada neste artigo. 

Ficaremos felizes com sua participação.

 

Fonte

eCycle

Por João Victorino

João Victorino é administrador de empresas e especialista em finanças pessoais. Formado em Administração de Empresas e com MBA pela FIA - USP. Executivo em empresas multinacionais nas áreas de desenvolvimento de negócios, marketing e estratégia. Possui ampla experiência no empreendedorismo e hoje divide esses aprendizados. Para isso, o especialista criou e lidera o canal A hora do dinheiro , com conteúdo gratuito e uma linguagem simples, objetiva e inclusiva.

Veja também

449 Visualizações
0Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *