A hora do dinheiro logo
2 min para ler

Atendimento Médico Veterinário Gratuito em Belo Horizonte – MG

tylor olson - dreamstime

 

O que é?

Serviço de atendimento veterinário gratuito para cães e gatos.

Neste primeiro momento estão previstos atendimentos básicos:

  • Consultas para prescrição médica,
  • Realização de curativos e tratamento de feridas.
  • Casos graves e de urgência serão encaminhados para clínicas parceiras.

 

Quem tem direito?

Atendimento restrito a moradores de Belo Horizonte.

Destinado aos animais da população de baixa renda cadastrada no Cadúnico em Belo Horizonte e animais cadastrados em entidades sem fins lucrativos que trabalham na proteção animal e com endereço em Belo Horizonte.

 

Processo

  1. Avaliar se o animal se enquadra nas condições de atendimento básico previstos na descrição do serviço.
  2. Providenciar a documentação necessária, descrita no item “Exigências do Serviço”.
  3. Comparecer ao Hospital Público Veterinário (rua Pedro Bizzoto, 230, Bairro Madre Gertrudes) para triagem e atendimento, conforme disponibilidade de senhas, limitadas a 30 atendimentos por dia.
  4. Avaliar se o animal se enquadra nas condições de:

Urgência – aqueles que necessitam atendimento, mas que não têm risco de vida imediato, podendo aguardar no Hospital: inapetência total, perda de peso aguda, feridas em gatos, feridas com larvas, corrimento nasal purulento, secreção nos ouvidos com pus, paralisias agudas, tumores de mama com feridas, diarreia sem sangue, globo ocular fora da órbita, e casos similares de acordo com a triagem.

Emergência – aqueles que necessitam atendimento imediato por haver risco de vida: gatos que não conseguem urinar, cadelas ou gatas com corrimento vaginal, atropelamentos, feridas extensas e agudas, convulsões, sangramentos nasais intensos, vômitos frequentes acompanhados de diarreias com sangue, tosse e falta de ar com língua azulada, vômitos com sangue e casos similares de acordo com a triagem.

 

Documentos necessários

  • Carteira de Identidade – RG
    (ou documento oficial com foto do tutor do animal).
  • Comprovante de Endereço
  • Conta de água, luz ou telefone do tutor do animal.
  • CNPJ – Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica
  • (No caso de entidade sem fins lucrativos voltadas à proteção animal)
  • Caso a entidade não possua CNPJ, é necessária declaração do responsável pela entidade sem fins lucrativos, assinada no momento do atendimento.

 

Fonte

Prefeitura Municipal de Belo Horizonte – MG

Veja mais