Search
A hora do dinheiro logo

Sumário

Tamanho da fonte-+=
Tamanho da fonte-+=

Três perguntas para evitar as maiores ciladas contra seu dinheiro

Sumário

2 min para ler
Tamanho da fonte-+=
Imagem: Travelarium - Depositphotos

Resumo – Veja três perguntas para serem feitas sempre que estiver pensando em fazer uma nova aquisição, seja ela cara ou barata.

 

Quando você tiver vontade de comprar qualquer coisa, mas qualquer coisa mesmo, faça as 3 perguntas mágicas a seguir:

 

1. Eu realmente quero isso?

 

Essa pergunta pode parecer óbvia demais. “Ora , se eu quero isso?! É claro que eu quero!”

É que, muitas vezes, nossa vontade de comprar tem a ver com uma necessidade de compensação por falta de alguma coisa em nossa vida (principalmente na esfera pessoal e afetiva).

Nos falta tranquilidade, nos falta calma, nos falta carinho, nos falta amizade, nos falta sossego.

A compra de algo acionaria um mecanismo de sensação positiva que reduziria aquela falta.

Se temos falta de sossego, precisamos buscar a sua causa para assim resolvê-la e conquistarmos o sossego de volta. 

A compensação de um sentimento negativo (de falta de algo em nossas vidas) funciona por muito pouco tempo. Já já, você estará atrás de outras compras para novamente dar a sensação de alívio.

 

2. Eu preciso disso ?

 

Na vida moderna, compramos várias coisas sem necessidade, e isso vai minando nossa saúde financeira, muitas vezes sem termos a menor noção que isso está acontecendo e representando uma grande surpresa quando nos damos conta disso. E aí, o rombo já está feito.

Sei da história de uma amiga que comprou um daqueles robôs aspiradores de pó (ao o filho que ia morar longe para estudar) a fim de usá-lo em um apartamento de 30m² (preço do aspirador: R$ 500,00) ao invés de comprar uma vassoura (preço: R$ 9,89).

Pense muito bem antes de comprar algo, para chegar a conclusão se você precisa mesmo daquilo. Se aquilo é realmente importante para você e se não existem outras alternativas. Roupas para festas são outro exemplo muito comum de compras em excesso e desnecessárias.

 

Veja também

A força de um caderninho

A busca pessoal pelo equilíbrio financeiro

 

3. Eu posso comprar isso ?

 

Muita gente não tem dinheiro para comprar e busca o recurso do crédito. Crédito para consumo deve ser feito com muito, muito cuidado.

Se você não tem dinheiro para comprar à vista, deve reavaliar muito, mas muito mesmo, se deve efetuar a compra.

Saia do impulso, evite ciladas das masketagens que só se importam em atingir as metas deles – vender, vender e vender – você deveria se preocupar em como sair disso. O foco deles é um, e o seu deve ser outro. 

Eles são poderosos, você é o elo fraco dessa cadeia injusta de exploração comercial. 

Proteja-se!

1.576 Visualizações
0Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *