A hora do dinheiro logo

Sumário

Tamanho da fonte-+=
Tamanho da fonte-+=

Semelhanças entre Estilos de Natação e Estratégias de Investimento

Sumário

3 min para ler
Tamanho da fonte-+=
Getting your Trinity Audio player ready...
Dreamstime - Ondrei Hyncica

Resumo – veja uma analogia criativa que compara os 4 estilos da natação a diferentes estratégias de investimento.

 

Quando eu tive a ideia de fazer algumas analogias entre os diferentes estilos de natação e determinadas estratégias de investimento, decidi pedir ajuda a pessoas que tinham mais familiaridade com o esporte, uma vez que conheço pouco sobre o assunto.  

Felizmente, para minha surpresa, acredito que o resultado dessa brincadeira tenha superado minhas expectativas. Por isso, resolvi compartilhar esses exercícios com vocês.

Espero que essas comparações ajudem na compreensão das diferentes estratégias de investimento e, se você pratica este esporte sensacional que é a natação, deixe nos comentários se você achou que as comparações foram pertinentes, ou se tem alguma outra contribuição para esta proposta.

 

Investir é preciso

 

Alguns de nós já aprendemos a nadar desde criança porque nossos pais se sentem mais seguros se conseguimos obter essa capacidade.

 É uma sensação de alívio saber que, caso o filho tenha uma emergência, ele vai conseguir se virar e sair nadando.

Na vida financeira é meio que a mesma coisa: desde cedo devemos nos preocupar com nossa saúde financeira e com nossa habilidade de sobreviver no mundo sem nos afogarmos nos problemas.

E a analogia vai além. Podemos também trazer uma comparação dos estilos de natação e estratégias de investimento e finanças.

Abaixo, vamos fazer uma analogia entre os quatro estilos de natação e algumas diferentes estratégias de investimento, destacando as características distintas de cada um e mostrando como elas se relacionam. 


1. Crawl (Livre) – Estratégia de Investimento de Crescimento:


O nado livre (crawl) é, geralmente, o estilo mais rápido e é frequentemente usado em provas de natação de longa distância

Assim, a estratégia de investimento que segue esta filosofia envolve um movimento contínuo em busca de ganhos com base em crescimento de setores e empresas resilientes, resistentes a eventuais percalços no meio do caminho, como ressacas e ciclos de baixa.

Os investidores que adotam essa estratégia buscam ativos que têm um potencial de crescimento significativo no longo prazo.

É uma estratégia voltada para investir em empresas ou setores que estão em ascensão, com o objetivo de capturar valor à medida que eles se expandem.

Acompanhe nosso canal no youtube

2. Costas – Estratégia de Investimento Conservadora:

 

A natação de costas é uma estratégia mais conservadora, onde o nadador se protege mantendo o rosto fora da água.

Da mesma forma, a estratégia de investimento conservadora prioriza a preservação de capital e a minimização de riscos.

Os investidores que adotam essa abordagem tendem a investir em ativos mais estáveis e menos voláteis (com menor variação de preços), como títulos do governo, títulos corporativos de alta qualidade e ações de empresas consolidadas.


3. Peito – Estratégia de Investimento de Valor:

 

O estilo de nado peito envolve movimentos rítmicos e deliberados, semelhantes à análise cuidadosa das oportunidades de investimento na estratégia de valor.

A estratégia de investimento de valor procura ativos que estão subvalorizados pelo mercado, com o objetivo de comprá-los a um preço inferior ao seu valor intrínseco.

Investidores que seguem essa estratégia buscam empresas com fundamentos sólidos, mas que estão temporariamente desvalorizadas.


4. Borboleta – Estratégia de Investimento de Alto Risco e Alto Retorno:

 

O estilo de nado borboleta é conhecido por ser desafiador e técnico, o que se assemelha a estratégias de investimento de alto risco e alto retorno.

A estratégia de investimento de alto risco e alto retorno envolve investimentos em ativos voláteis, como ações de startups ou mercados emergentes, em busca de retornos substanciais, mas com um risco considerável.

Assim como a borboleta requer habilidades técnicas excepcionais, essa estratégia exige uma compreensão profunda do mercado e uma tolerância ao risco significativa.



Descuidar não é preciso!

 

É importante observar que, assim como na natação, não existe uma única estratégia de investimento “correta”. A escolha da estratégia adequada depende dos objetivos financeiros, do apetite pelo risco e das circunstâncias individuais de cada investidor. 

É sempre importante reforçar a ideia de que, por mais experiente que você seja, estratégias de proteção de capital, como a diversificação e o gerenciamento de risco são essenciais em qualquer estilo de investimento adotado.

Por João Victorino

João Victorino é administrador de empresas e especialista em finanças pessoais. Formado em Administração de Empresas e com MBA pela FIA - USP. Executivo em empresas multinacionais nas áreas de desenvolvimento de negócios, marketing e estratégia. Possui ampla experiência no empreendedorismo e hoje divide esses aprendizados. Para isso, o especialista criou e lidera o canal A hora do dinheiro , com conteúdo gratuito e uma linguagem simples, objetiva e inclusiva.

Você também pode se interessar:

309 Visualizações
0Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *